10 Causas Mais Comuns de Morte de Caudados em Cativeiro

Tritão ventre de fogo (Cynops orientalis)

Tritão ventre de fogo (Cynops orientalis)
Fotografia: Wikimedia Commons

Estas são as causas mais comuns de morte de anfíbios caudados (tritões e salamandras) em cativeiro:

  1. Evasão: Os caudados são mestres em escapar. Tentar sempre manter coberto o aquário. No caso dos paddletails este conseguem mesmo utilizar a cauda para de impulsionarem para fora do aquário;
  2. Temperatura: Por norma tudo o que for acima dos 25º da temperatura da água/ar é muito perigoso para os caudados;
  3. Comida: Comida viva com pesticidas é um veneno para os caudados! Tentar sempre conhecer a fonte da comida;
  4. Ingestão de substrato e de outros objectos estranhos: Muitos tritões comem por “vácuo”. Abrem a boca e é tudo arrastado para dentro, pedras, areias, etc, o que pode levar à compactação intestinal. Os meus axolotls quando dei por ela tinham a barriga cheia de pedras. Sobreviveram, mas andaram um mês as “evacuar” pedras;
  5. Lixívia e cloro: Nunca lavar o tanque ou decorações com lixívia! Ter sempre cuidado com o cloro da água da rede. Usar condicionar para a água ou preferencialmente água da chuva;
  6. Companhia: Nunca misturar anfíbios com anfíbios. O stress provoca a libertação de toxinas na água que são mutuamente mortais. Tudo corre bem até ao “até que um dia…”;
  7. Mudança abrupta dos parâmetros da água: Fazer a ciclagem e TPA como seriam feitas para um aquário;
  8. Doenças contagiosas: Muitas vezes os tritões comprado em lojas passaram por um mau bocado e trazem doenças e parasitas. Fazer uma quarentena é aconselhável antes de os juntar;
  9. Predadores: Se apanharem comida viva no exterior tenham cuidado com o que vem nas redes (ciclopes, larvas de libélulas e outros pequenos “monstros”);
  10. Papel higiénico: Usado muitas vezes no transporte de anfíbios. Pode matar por asfixia.

E um bónus, mas não menos importante:

A falta de informação: Esta é a maior causa de morte de anfíbios caudados em cativeiro. Informem-se antes, durante e depois da comprarem um exótico. Os anfíbios são criaturas muito especiais e com necessidades muito especificas! Quando melhor estiverem informados mais fácil é a sua manutenção.

Os anfíbios são animais muito peculiares e desde o principio dos tempos que inspiraram admiração e terror em muitos povos, fazendo parte do imaginário comum. Cuidem bem dos vossos “viscosos”!

Este artigo foi publicado na Revista nº 9 do Mundo dos Animais, em Dezembro de 2008, com o título “Desastres na manutenção de anfíbios”.

Tópicos: Tritões e Salamandras, Anfíbios, Animais Exóticos, Animais de Estimação