Sapo-Roxo, um Anfíbio Bizarro

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis, usualmente chamado de sapo-roxo, é uma espécie de sapo endémico do sul da Índia, conhecido particularmente pela sua aparência bizarra.

Foi descoberto apenas em 2003 e é considerado um fóssil vivo, ou o “celacanto dos sapos”, em referência ao famoso peixe também considerado fóssil vivo.

A sua origem remonta há mais de 100 milhões de anos, quando a Índia, as Seychelles e o Madagáscar formavam uma única massa de terra. É precisamente nas Seychelles que habita o seu parente mais próximo.

Comparado com outros sapos, o sapo-roxo tem um corpo mais arredondado, uma cabeça relativamente pequena e um nariz pontiagudo pouco usual, que lhe confere uma aparência única.

Passa a maior parte do ano no subsolo, emergindo apenas cerca de duas semanas, para acasalar. Foi este estilo de vida “escondido” que lhe permitiu passar despercebido dos biólogos durante tantos anos.

Alimenta-se essencialmente de térmitas.

Fotos

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Nasikabatrachus sahyadrensis

Tópicos: Rãs e Sapos, Anfíbios, Fotos de Animais Selvagens, Animais Selvagens, Fotografia Animal