Imagens da Semana: 4 – 10 Outubro 2015

Nesta edição das imagens da semana, muitos animais bebés estão em destaque: orangotangos, girafas ou grandes felinos, ainda um raro golfinho albino e uma nova espécie de rato com nariz de porco. Veja as imagens:

Orangotango-de-bornéu bebé

Fotografia: F. Perroux / Zoo de la Palmyre

Um orangotango-de-bornéu bebé junto à sua mãe no zoológico francês La Palmyre Zoo, onde nasceu ao abrigo de um programa de conservação da espécie. O orangotango-de-bornéu (Pongo pygmaeus) é nativo da ilha de Bornéu e encontra-se ameaçado de extinção. Na natureza restam cerca de 54 mil orangotangos desta espécie.

Girafa bebé resgatada

Fotografia: The David Sheldrick Wildlife Trust / via Facebook

Kiko, uma girafa órfã, ainda pequena, resgatada pela David Sheldrick Wildlife Trust no passado dia 19 de Setembro no Meru National Park, Quénia. O que aconteceu à mãe não é conhecido, mas a organização assume conflito humano-vida selvagem. Agora em boas mãos, o futuro apresenta-se mais risonho para esta pequena girafa.

Elefante resgatado

Fotografia: Elephant Nature Park / via Facebook

Kabu, uma elefante resgatada e acolhido pela organização Elephant Nature Park (ENP), na Tailândia, a usufruir de tudo o que o seu novo lar tem de bom. A Kabu foi forçada a trabalhar na extração ilegal de madeira durante mais de 20 anos, o que lhe deixou uma pata severamente deformada.

Chitas no Zoo de Lisboa

Fotografia: Jardim Zoológico de Lisboa

As cinco novas crias de chita, juntinhas à sua orgulhosa mamã, no Jardim Zoológico de Lisboa. É a segunda vez que este zoo consegue reproduzir chitas, uma espécie de grande felino ameaçada de extinção e conhecida pela sua difícil reprodução em cativeiro. A primeira foi em 2013.

Caracal ou lince-do-deserto bebé

Fotografia: Shervin Hess / Oregon Zoo

Um caracal bebé, nascido no Oregon Zoo no passado dia 11 de Setembro. A mamã Peggy, residente no zoo, deu à luz dois bebés, um menino e uma menina, que pode conhecer melhor neste vídeo. O caracal (Caracal caracal), também conhecido como lince-do-deserto, é um felino selvagem que atinge um metro de comprimento e é caracterizado pelas orelhas tufadinhas, semelhantes às dos linces.

Cusu-comum (Trichosurus vulpecula)

Fotografia: Paul Fahy

Um cusu-comum órfão, com apenas 4 meses e encontrado em estado de desidratação, recupera aos cuidados do Taronga Wildlife Hospital, Austrália. Para compensar a falta da mãe, foi dado ao pequeno um canguru em peluche ao qual se abraça tanto para se alimentar como para dormir. O cusu-comum (Trichosurus vulpecula) é um mamífero marsupial, semi-arborícola e de hábitos noturnos.

Canguru-arborícola-de-huon (Dendrolagus matschiei)

Fotografia: Ron Magill

Uma mamã canguru-arborícola-de-huon espreita o seu novo bebé, ainda no interior da bolsa marsupial, da qual sairá pela primeira vez por volta das 28 semanas e definitivamente pelas 41 semanas de idade. O canguru-arborícola-de-huon (Dendrolagus matschiei) é uma espécie de mamífero marsupial ameaçada de extinção.

Golfinho-de-risso albino

Fotografia: Kate Cummings / Blue Ocean Whale Watch

Um raro golfinho-de-risso albino, fotografado e filmado nas águas da Baía de Monterey, na Califórnia. O golfinho albino estava a nadar junto à sua mãe e outros golfinhos da mesma espécie. O golfinho-de-risso (Grampus griseus) é a maior espécie de golfinho existente, podendo chegar aos 3 metros de comprimento e 500 quilos de peso. O albinismo nestes animais é raro.

peixe azul Channa andrao

Fotografia: Henning Strack Hansen

O peixe azul vibrante da espécie Channa andrao, capaz de “andar” e sobreviver fora de água durante quatro dias, é uma das 211 novas espécies descobertas nos Himalaias ao longo dos últimos 6 anos. O relatório, publicado pela WWF no passado dia 5 de Outubro, descreve novas 133 plantas, 39 invertebrados, 26 peixes, 10 anfíbios, um réptil, uma ave e um mamífero.

Rato-com-nariz-de-porco (Hyorhinomys stuempkei)

Rato-com-nariz-de-porco (Hyorhinomys stuempkei)

Fotografias: Victoria Museum / EPA

Rato-com-nariz-de-porco é o nome pelo qual está a ficar conhecida a nova espécie de roedor Hyorhinomys stuempkei, descoberta na Indonésia. O “nariz de porco” é apenas uma das características únicas deste rato, que incluem grandes orelhas, uma boca muito pequena e pêlo púbico “curiosamente” longo. Não admira que tenha sido listado num género completamente novo e do qual é a única espécie conhecida.

Lobo em Chernobyl

Fotografia: Sergiy Gaschak / AP

Um lobo fotografado em Chernobyl, na Ucrânia. Segundo um estudo publicado na passada Segunda-feira na revista científica “Current Biology”, a localidade que foi evacuada após o acidente nuclear ocorrido em 1986 é agora um paraíso de vida selvagem. Alces, veados, lobos, javalis e muitos outros animais ocuparam as ruas e construções abandonadas — a radiação, ainda que perigosa, parece ser mais fácil de suportar do que as ameaças humanas.

Pinguim-gentoo

Fotografia: Alex Bernasconi

Um pinguim-gentoo (Pygoscelis papua) envolto numa tempestade de neve na Antártida. A fotografia faz parte do novo livro do fotógrafo Alex Bernasconi, «Blue Ice», focado na surpreendente diversidade de vida existente num dos habitats com clima mais severo do planeta.

Tópicos: Imagens da Semana, Fotografia Animal