Imagens da Semana: 6 – 12 Setembro 2015

Um refugiado sírio que trouxe o seu gato ao colo durante toda a travessia do Mediterrâneo, um motociclista que adotou um gatinho na estrada ou o único cão sobrevivente das operações de salvamento do 11 de Setembro, são alguns dos destaques no mundo dos animais esta semana.

Refugiado sírio com o seu gato

Fotografia: via Twitter

Refugiado sírio com o seu gato

Fotografia: via Twitter

Um refugiado sírio cruzou o mar Mediterrâneo com o seu gato ao colo. O pequeno felino, chamado Zaytouna (significa “azeitona” em árabe) chegou são e salvo à Grécia, depois de uma viagem inteira ao colo do humano que não o deixou para trás.

Gatinho salvo por motociclista

Fotografia: Spurgeon Dunbar

Este gatinho foi encontrado em mau estado por um motociclista que, de imediato, o adotou. Desde então, o pequeno tem recuperado e vivido uma grande aventura pela estrada, aconchegado dentro da roupa do seu novo humano e os seus novos amigos.

Gato Larry

Fotografia: Reuters / Peter Nicholls

Larry, o gato da 10 Downing Street, espera por ser admitido na residência do Primeiro Ministro David Cameron, em Londres. O seu cargo, Chief Mouser to the Cabinet Office (algo como Grão-Caçador de Ratos do Gabinete Oficial) já existe há 500 anos, desde que o Cardeal Wolsey trouxe o seu gato quando se tornou Lord Chanceler da Inglaterra no tempo de Henrique VIII.

O gato Larry tem entre três a cinco anos de idade e foi adotado na Battersea Dogs and Cats Home, a associação de proteção animal mais antiga do Reino Unido, fundada em 1860.

Bretagne, cão sobrevivente do 11 de Setembro

Fotografia: BarkPost

Bretagne, a única cachorra ainda viva entre os mais de 100 cães que participaram nas operações de busca e salvamento do 11 de Setembro, após o ataque terrorista que derrubou as Torres Gémeas e matou 3 mil pessoas. Tem hoje 16 anos.

Há quatro anos, por ocasião do 10º aniversário do ataque, ainda estavam vivos 12 desses cães. Reveja aqui as fotos destes “outros” heróis.

Elefante-marinho bebé

Fotografia: Inger Vandyke / Caters News Agency

Elefante-marinho bebé

Fotografia: Richard Baxter / Caters News

Um elefante-marinho bebé posou com a sua melhor expressão apenas a 30 centímetros da fotógrafa Inger Vandyke, na Ilha Macquarie, um território australiano a meio do caminho entre a Austrália e a Antártida.

Os elefantes-marinhos conseguem suster a respiração debaixo de água por mais de 100 minutos e nadam até 1.500 metros de profundidade — embora já tenha sido registado um mergulho de elefante-marinho a 2.388 metros.

Libertação de águia-de-asa-redonda

Fotografia: CERAS – Centro de Estudos e Recuperação de Animais Selvagens

O momento da libertação de uma das duas águias-de-asa-redonda, libertadas em Castelo Branco após terem recuperado no Centro de Estudos e Recuperação de Animais Selvagens (CERAS). As duas águias tinham diversas fraturas nas asas e foram sujeitas a cirurgia.

Koala bebé

Fotografia: Taronga Zoo

Baxter, um dos dois koalas bebés nascidos no Taronga Zoo, nas costas da sua mamã Mallee. Tal como acontece noutros mamíferos marsupiais, os bebés koalas nascem prematuros, com meia grama de peso e só começam a sair da bolsa marsupial (marsúpio) por volta das 26 semanas de idade.

Zebras e tecelões

Fotografia: Samuel Cox, National Geographic Your Shot

Quatro zebras vêm-se envoltas em milhares de tecelões que de um momento para o outro levantaram voo em simultâneo, em South Luangwa, na Zâmbia. Segundo o fotógrafo Samuel Cox relatou na National Geographic, poucos segundos depois o momento já tinha passado.

Girafas sob a Via Láctea

Fotografia: Mark Gee

O astrofotógrafo Mark Gee conseguiu registar esta incrível imagem da Via Láctea com um grupo de girafas sob a mesma, no Serengeti. Segundo contou no BBC Earth, o seu objetivo era precisamente conseguir fotografar vida selvagem sob o céu noturno.

Leões

Fotografia: Paul Lynch, National Geographic Your Shot

Um fabuloso “retrato de família” de três leões na reserva natural de Masai Mara, no Quénia. Os reis da selva e dos grandes felinos são os segundos maiores felinos do mundo — apenas atrás dos tigres.

Tópicos: Imagens da Semana, Fotografia Animal