Morcegos Não Gostam da Lua

O luar assusta os morcegos – é o que concluiu um novo estudo levado a cabo por investigadores no México, que coletaram estudos sobre o comportamento dos morcegos em todo o mundo e os analisaram à procura de evidências de fobia lunar ou medo da lua.

Relacionado: Introdução aos morcegos

Morcegos têm fobia lunar

No estudo, os investigadores descobriram que a atividade dos morcegos em habitats onde a luz do luar penetra mais facilmente é menor, comparado com a atividade dos morcegos que habitam zonas mais sombrias.

Isto pode ser explicado pela existência de um maior risco de predação e uma menor quantidade de alimento disponível em noites iluminadas pelo luar.

Fotogaleria: Raros morcegos africanos

As descobertas foram reveladas na publicação Mammalian Biology e representam aquilo a que os cientistas chamam de “primeira avaliação confiável do fenómeno da fobia lunar”.

O estudo reuniu uma vasta gama de pesquisas acerca do comportamentos destes animais perante a luz da lua e a forma como interagem com ela.

Vídeo: Morceguinho alimentado à mão

“As evidências de que a atividade dos morcegos diminuía consoante o aumento da luz do luar era contraditória, por isso decidimos levar a cabo este estudo” explicou o autor Romeo Saldana-Vazquez, biólogo na National Autonomous University of Mexico, citado pela BBC.

“O efeito do luar na atividade dos morcegos não tinha sido revisto, apesar de existir informação acumulada por mais de vinte anos em diferentes partes do mundo” acrescentou.

Recolhendo dados sobre 26 espécies provenientes de 11 estudos, os cientistas criaram um modelo do comportamento dos morcegos em diferentes latitudes e diferentes habitats, conforme as fases da lua e a intensidade da sua luz. A análise concluiu que a fobia lunar é comum entre entre os morcegos e mostrou que a redução da atividade perante o luar é diferente de habitat para habitat.

Fotogaleria: Morcegos, aqueles animais encantadores!

“Os habitats onde a luz da lua entra com maior facilidade provoca uma diminuição mais acentuada da atividade dos morcegos, comparado com os habitats mais escuros” disse Saldana-Vazquez.

As espécies que se alimentam perto de rios e sob as copas das árvores mostraram uma maior fobia lunar do que as espécies que habitam locais mais fechados e protegidos. Os cientistas sugerem que isto acontece uma vez que, estando em terreno aberto, a luz da lua pode ajudar os predadores dos morcegos a encontrarem-nos e apanharem-nos. Além disso, as presas dos morcegos também são mais escassas em noites mais claras.

Os cientistas descobriram também que os morcegos que habitam mais próximo do equador apresentam uma maior fobia lunar, embora isto possa ser influênciado pelo tipo de morcegos que povoam esses ecossistemas.

A única exceção à fobia lunar foi encontrada nos morcegos que voam por cima das árvores. Essas espécies não tendem a diminuir a sua atividade perante a luz do luar. Saldana-Vazquez acredita que isto acontece porque estes morcegos normalmente conseguem voar a maior velocidade e vivem em habitats com menos predadores.

Via BBC

Tópicos: Morcegos, Mamíferos, Animais Selvagens