Uma Menina de Ouro

Esta história foi escrita por Bárbara Monteiro e fez parte do concurso “O que já fizeste por um animal?” que terminou no dia 18/11/2011. Clique aqui para ver todas as histórias.

Há um ano e sete meses, aproximadamente, estava uma cadelinha de dois meses, linda e maravilhosamente meiga, na minha rua.

Sammy

Foi a minha mãe e a irmã duma colega minha de infância que estava nos arredores que a encontrou. A menina tinha sido abandonada e estava perdida, pois fora metida na casa duma senhora que tinha três cães enormes, cuja sorte fora que a fêmea tinha tido uma bebe e a Sammy confundiu-a com a mãe por ter leite.

A senhora abriu o portão e meteu-a do lado de fora, onde gania desesperada com o focinho debaixo do portão a chamar a suposta mãe. Resgatamos a menina e ficamos como “FAT”.

A menina era tão pouco meiga que nos apaixonamos imediatamente e o meu pai ja dizia que ficávamos com ela mas com a Teddy era complicado, pois como era minha “filha” única era complicado e as despesas eram enormes. Passados poucos dias encontramos adoptante (era impossível não encontrar visto que a cadela era um charme) e eu chorava para um canto, o meu pai ficou estranho e pedimos para a minha mãe decidir.

Ora ela fica sempre com as decisões difíceis não é? Função de mãe!! E decidimos ficar com ela. E foi a melhor coisa que fizemos porque é a princesa da casa, a coisa mais meiga do mundo e um amor que se a tivéssemos dado eu ainda chorava de tristeza.

Adoptem, pois vale a pena.

Sejam FAT pois dão a segurança a um cão /cadela desesperado de medo e um carinho.


Leia todas as histórias na edição especial da revista.

Revista Especial Gratuita

Mais em "O que já fizeste por um animal?":