Sempre Existiram Tubarões na Costa Portuguesa

Dizer que há tubarões nas nossas águas é como dizer que há gaivotas na costa. É desta forma que o biólogo Élio Vicente do Zoomarine, no Algarve, esclarece os recentes avistamentos de tubarões martelo junto da costa algarvia e que têm preocupado algumas pessoas.

Tubarões na Costa Portuguesa

Durante o mês de Agosto foram avistados três tubarões nas águas algarvias, dois no dia 19 e um no dia 30. O do passado dia 30 é um tubarão martelo (Sphyrna spp.) com cerca de três metros de comprimento.

A aproximação dos tubarões deve-se essencialmente à subida da temperatura das águas e, segundo o biólogo Élio Vicente, significa que a costa portuguesa é rica em peixe, portanto uma boa notícia. No entanto, a presença dos tubarões na costa portuguesa é normal. O que não é costume, é serem avistados. “Estes animais sempre estiveram nas nossas águas, normalmente as pessoas não os vêem, mas eles estão lá” explicou o biólogo citado pela Lusa.

Sobre um suposto perigo para os banhistas, o biólogo desdramatiza, acrescentando que “há entre 400 e 500 espécies de tubarões no mundo e só sete é que estão associadas a acidentes com humanos”. “Na costa portuguesa existem algumas dezenas de espécies, a maior parte vive em profundidade e os indivíduos que se movimentam mais à superfície, estão a caçar peixes ou estão à procura de parceiro sexual” concluiu.

Especificamente sobre os tubarões-martelo, não representam um perigo para o ser humano excepto quando são atacados por estes, pois são animais com um comportamento muito defensivo. De qualquer forma e para evitar qualquer tipo de pânico que leve a acidentes, recomenda-se aos banhistas que se afastem da água caso algum destes tubarões se aproxime.

(Mais sobre os tubarões martelo na fotogaleria de tubarões)

Fontes: Lusa / Naturlink
Foto: Chris Wildblood

Tópicos: Tubarões, Peixes, Animais Selvagens